Coração de Leão

Uma autobiografia que envolve Amor e Fé entre mãe e filhos, capaz de mostrar que o Amor incondicional vai além da despedida... E ainda é capaz de recomeçar.

Por trás de um véu


  Foto tirada ainda na UTI por uma das enfermeiras que cuidou do Miguel


Foto tirada ainda na UTI por uma das enfermeiras que cuidou do Miguel

Ao longo de todos esses meses, eu vivo o outro lado de uma Aracelli que eu desconhecia. As mudanças em minha vida vieram por todos os lados, mas a sensação que tenho é a de que elas sempre estiveram aqui, por perto de mim, só precisavam de um start

Nos primeiros dias que descobri o diagnóstico de Síndrome de Down no Miguel, me vi diante de um texto do Movimento Down o qual dizia algo belíssimo: as pessoas quando descobrem esse diagnóstico por algum tempo, olham para a criança como sendo a própria síndrome, enxergando apenas se tem os olhinhos puxados, se terá os dedinhos de um jeito, as orelhinhas de outro,... Enfim veem a criança com um véu. 

Nos primeiros dias eu quis saber tudo sobre essa característica genética, "porque eu queria entender o Miguel", como se ele fosse a Síndrome de Down. Mas tão logo vi o véu cair, e meu coração de mãe abriu espaço infinito para que o Meu Filho, junto a todo seu pacotinho que estivesse bem acomodado. 

E hoje, quando olho alguma pessoa que esteja numa cadeira de rodas, que tenha alguma síndrome, ou que não tenha algum membro, meu senso comum já não encontra forças para me fazer olhar por cima de um véu. Porque todas elas, todos nós estamos, desejamos, sentimos, desacordamos, contrariamos, somos, vivemos a nosso modo. 
Por traz das limitações, que algumas têm e que todo resto, muitas vezes, ajuda-as a ter, existe um Alguém!

O meu alguém de quase 50 cm não gostava de trocar fraldas, mas não reclamava ao levar tantas agulhadas. Gostava de carinho na testa e sugava o meu dedo instintivamente como se fosse seu mamá. Ele era (e é) só ele. 

Aprendi com o Miguel que todos são a mesma coisa, que alguns precisarão de ajuda ao andar de bicicleta, outros para comer; alguns não saberão cálculos, outros sacarão tudo sobre física quântica; e uns muitos precisarão entender e respeitar o lugar de outros, e esses outros poderão trazer muitos ensinamentos a todos nós.

Aracelli Moreira 

 

Qualquer reprodução deste texto deve seguir com a fonte de autoria: Aracelli Moreira, www.coracaodeleao.com.br

 

 

 
 

Site feito com amor por